Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“Processo de transição para uma economia verde não pode deixar de ser uma prioridade das políticas de ambiente”
No debate sobre prospeção de hidrocarbonetos, José Carlos Barros lembrou que o Parlamento aprovou a iniciativa do PSD que visa a elaboração de um Livro Verde sobre este tipo de prospeções.


As licenças para pesquisa e prospeção de hidrocarbonetos ao largo da Costa Algarvia voltaram, esta quinta-feira, a ser debatidas no Parlamento. No debate de uma Petição que manifesta objeção à atribuição de uma licença, que deu entrada na Assembleia à cerca de ano e meio, José Carlos Barros enfatizou que apesar de já ter algum tempo esta Petição mantém uma inesperada atualidade. “Em junho de 2016 esta Petição solicitava que não fosse atribuída licença ao consórcio Galp/ENI para a realização de um furo de pesquisa ao largo de Aljezur. Entretanto, em dezembro, o PS Algarve felicitava o Primeiro-Ministro pela decisão governamental de rescindir os contratos para a prospeção e exploração de gás e petróleo. Menos de um mês depois, o país era surpreendido com o licenciamento desta perfuração de pesquisa. E tudo isto ao mesmo tempo em que a Ministra do Mar, nos Estados Unidos, apresentava a exploração de petróleo offshore como uma oportunidade de investimento no nosso País”.
Durante esse período, recorda o deputado, a Assembleia da República aprovou em Maio deste ano, na sequência de iniciativa do PSD, uma recomendação ao governo para que elabore um Livro Verde sobre a prospeção e produção de hidrocarbonetos. Esse Livro Verde, defende José Carlos Barros, irá fazer com que exista menos ruído e mais clarificação, num debate que envolva a comunidade científica e no entendimento de que o processo de transição para uma economia verde não pode deixar de ser uma prioridade das políticas de ambiente, desejavelmente, num quadro estável do ponto de vista político e administrativo, sem cedências nem ameaças.

21-12-2017 Partilhar Recomendar
15-05-2019
Ambiente: preferir os anúncios ao desempenho e a propaganda à ação só pode trazer maus resultados no futuro
    Bruno Coimbra deixou o alerta: “Portugal está na primeira fila dos países europeus que são e serão mais afetados pelas alterações climáticas”.
15-05-2019
Autonomia dos sistemas multimunicipais de água tem sido gravemente prejudicada
    Maurício Marques alerta que a ação do governo está a criar estrangulamentos nos investimentos necessários.
15-05-2019
Seca: medidas velhas que não acompanham as novas realidades
    Sublinhando que Portugal é um país particularmente vulnerável às alterações climáticas, Emília Cerqueira frisou que precisamos de novas abordagens para mitigar estes problemas.
15-05-2019
Berta Cabral: Programa Casa Eficiente 2020 “foi um fiasco e um logro”
    A deputada denunciou que a taxa de execução deste Programa é inferior a 1%.
15-05-2019
Nível de execução do PO SEUR “é um desastre”
    António Costa Silva lamentou que o governo não esteja a aproveitar os financiamentos que são 85% a fundo perdido.
15-05-2019
Declaração de estado de emergência climática é uma ação simbólica ou implica a adoção de medidas concretas?
    Jorge Paulo Oliveira questionou os bloquistas sobre o objetivo das suas propostas.
16-04-2019
“As alterações climáticas constituem um dos maiores desafios que a humanidade tem pela frente”
    O parlamentar sublinhou que o PSD sempre colocou na sua agenda e na sua ação política o ambiente e o clima.
11-04-2019
Berta Cabral: “o ambiente pode contar com o PSD”
    A deputada considera que é fundamental dar continuidade à mudança de mentalidades.
11-04-2019
“Não podemos continuar a privilegiar o descartável num planeta que não o é”
    Bruno Coimbra considera que “o plástico é hoje uma calamidade” e que é preciso agir.
11-04-2019
António Topa: o plástico tornou-se um problema sério para a humanidade
    O parlamentar considera que é urgente atuar e encontrar alternativas ao seu uso.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas