Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PSD defende o reforço dos direitos das minorias nas comissões de inquérito
Luís Marques Guedes apresentou o Projeto de Lei do PSD que visa alterar o regime dos inquéritos parlamentares.
“Foi preciso uma maioria social comunista para haver reais obstáculos ao funcionamento das comissões de inquérito potestativas”, disse esta terça-feira o social-democrata Luís Marques Guedes. Em conferência de imprensa, o deputado apresentou um Projeto de Lei do PSD cujo objetivo passa por alterar o regime dos inquéritos parlamentares, reforçando os direitos das minorias.

Segundo denunciou, as comissões de inquérito estão a ser transformadas em “comissões de encobrimento” do atual Executivo. “Os inquéritos parlamentares são, porventura, o instrumento mais poderoso de fiscalização ao Governo e à administração”, afirmou. “Se deixarmos morrer a capacidade de ação e intervenção das comissões de inquérito parlamentares, estamos a amputar a Assembleia da República (AR) de um instrumento fundamental para a fiscalização política e, com isso, a pôr em causa o próprio equilíbrio e equidade da separação de poderes que existe no nosso regime político”, salientou.

Luís Marques Guedes destacou, assim, que o projeto do PSD visa contribuir para um trabalho “sério e responsável” e, assim, contrariar problemas que se vieram a verificar com as comissões de inquérito a propósito da Caixa Geral de Depósitos (CGD). Recorde-se que, no que toca à CGD, se registaram “entraves na admissão do objeto” por parte do presidente da Assembleia da República, assim como “uma interpretação sempre redutora” de uma maioria que manifestou “uma enorme complacência” quanto a atrasos e recusas do Ministério das Finanças e da CGD em entregar documentos solicitados pelas comissões.

Propostas do PSD:

  • Suspensão dos prazos de uma comissão de inquérito, enquanto se aguarda por decisão judicial sobre documentos pedidos.
  • Deliberações tomadas através de voto individual.
  • Presidente do Parlamento não pode apreciar ou recusar um objeto e fundamentos entregues potestativamente.
  • Procuradoria-Geral da República e Conselho Superior da Magistratura devem ser informados, previamente, sobre a comissão.
  • Presidente da República não pode ser obrigado a depor num inquérito parlamentar, pelo que a colaboração deve ser facultativa.

13-12-2017 Partilhar Recomendar
06-04-2018
Andreia Neto: “o sistema prisional português está confrontado com graves problemas”
    Segundo a social-democrata também aqui “não temos governo, temos reação”.
15-03-2018
Prevenção de incêndios: governo não aprendeu nada com o que aconteceu em 2017
    Fernando Negrão fala em dúvidas, hesitações, orientações contraditórias e instabilidade na Proteção Civil.
09-03-2018
“É indiscutível a necessidade de uma reforma global do instituto das incapacidades dos maiores”
    No entender de Andreia Neto essa urgência não se compadece com os 26 meses que o governo demorou a apresentar uma solução.
09-03-2018
Regime do maior acompanhado: PSD defende um verdadeiro e real modelo de apoio à tomada de decisão
    Sandra Pereira alertou para as fragilidades jurídicas da proposta do governo.
01-03-2018
PSD convoca todos os partidos para estabelecer um Plano Nacional para a Justiça
    Carlos Peixoto frisou que ninguém entenderia se os partidos políticos não chegassem a um acordo.
01-03-2018
Justiça: reformas implementadas pelo PSD foram fundamentais para a melhoria do sistema
    Sara Madruga da Costa adiantou que essas reformas “foram imprescindíveis para uma maior confiança na justiça e para uma Administração mais aberta, mais transparente e mais eficiente”.
01-03-2018
PSD saúda agentes judiciários pelo “Pacto para a Justiça”
    Andreia Neto considera que este é um exemplo que devia ser seguido por outros sectores da sociedade.
21-02-2018
Sara Madruga da Costa reclama por “justiça nos dois sentidos”
    A deputada reuniu com o Presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça e com funcionários judiciais madeirenses.
09-02-2018
PSD defende uma ampla revisão de todo o instituto do apoio judiciário
    Carlos Peixoto considerou “manifestamente pouco” aumentar em um euro os honorários dos serviços jurídicos prestados pelos advogados.
26-01-2018
“PSD está preocupado com os fenómenos de violência, perseguição e humilhação através da internet”
    Sara Madruga da Costa defendeu a importância de se encontrar uma solução para proteger as vítimas e criticou a postura dos socialistas.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas