Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Desde 2016 que o governo reduz as verbas destinadas à prevenção e combate aos incêndios
Carlos Abreu Amorim recordou que nem nos anos da troika esse valor foi tão reduzido.
No debate do Orçamento do Estado para 2018, Carlos Abreu Amorim devolveu a António Costa a acusação de frustração. De acordo com o Vice-Presidente da bancada do PSD tudo o que António Costa “disse antes de ser Primeiro-Ministro na campanha e na Assembleia da República caiu pela base. Disse que a economia ia crescer pelo consumo e não é isso que está a acontecer. O senhor desdenhou o papel das exportações no crescimento económico e agora é através das exportações que a economia está a crescer. O único motivo de regozijo e de não frustração é que está a ver os partidos da extrema-esquerda radial a comer tudo aquilo que disseram e prometeram em termos programáticos antes, durante e depois das eleições legislativas de 2015”.
De seguida, o parlamentar focou a sua intervenção na tragédia sem precedentes a que Portugal assistiu este ano: os incêndios que causaram 110 mortos e consumiram mais de 500 mil hectares. Segundo o social-democrata o país assistiu a uma “balburdia completa” no sistema de prevenção e combate a incêndios. “Aquilo que o país viu foi falta de liderança por parte das entidades governamentais. Aquilo que o país viu foi falta de coordenação”. Contudo, lembra o deputado, foi o Primeiro-Ministro que, há mais de uma década, montou o sistema do SIRESP. “O senhor é o rosto do SIRESP e nós sabemos o que lhe aconteceu durante este período de incêndios. O senhor Primeiro-Ministro celebrou o contrato dos Kamov e nós sabemos o está a acontecer. O senhor foi quem acabou com os guardas florestais e é reconhecido que os guardas florestais fizeram muita falta neste período de incêndios. O senhor montou a Autoridade Nacional da Proteção Civil, mas nós vemos o que é que as nomeações partidárias fizeram”.
Como se não bastasse os erros cometidos por António Costa quando foi Ministro da Administração Interna, o deputado do PSD afirmou que agora, no papel de Primeiro-Ministro, o governante repete os erros e orçamenta para a prevenção e combate aos incêndios uma verba que nem com o dos anos da troika tem comparação.
A terminar, Carlos Abreu Amorim questionou a António Costa se não reconhece que, para além da incompetência das pessoas que nomeou, “há um nexo entre a tragédia que nos aconteceu e os cortes no sistema de Proteção Civil? Não está arrependido de ter feito estes cortes e com isso ter desarmado o sistema de Proteção Civil?”

02-11-2017 Partilhar Recomendar
15-05-2019
Lei da liberdade sindical: Carlos Peixoto recorda que a proposta do governo “nasceu torta”
    O Vice-Presidente da bancada do PSD elencou os contributos imprescindíveis do PSD para “endireitar” esta proposta.
13-05-2019
Cativações e cortes no investimento. “Chama a isto boa gestão das contas públicas?”
    Fernando Negrão acusou António Costa de fazer um “brilharete nas contas” à custa de corte no investimento.
10-05-2019
Bancadas do PS, BE e PCP “são a lavandaria política do governo socialista”
    No debate sobre o Fundo de Solidariedade Europeu, Rubina Berardo acusou as bancadas da esquerda de branquearem a atuação do governo.
10-05-2019
Gestão do Fundo de Solidariedade tem sido incompetente, imoral e uma vergonha
    Duarte Marques considera “indigno” que o governo queira ficar com o dinheiro destinado aos municípios afetados pelos incêndios.
10-05-2019
Incêndios: “o governo aproveita-se da desgraça alheia para financiar serviços públicos”
    António Lima Costa afirma que o governo desviou verbas europeias destinadas às zonas afetadas para financiar organismos da administração central sediados em Lisboa.
16-04-2019
Violência Doméstica: Ângela Guerra defende a importância de consensos políticos
    A parlamentar frisou que o Parlamento tem a responsabilidade de dar resposta a todas as vítimas deste crime.
16-04-2019
Violência Doméstica: “é preciso mais luta contra o luto”
    Sandra Pereira apresentou 5 iniciativas do PSD para combater este flagelo.
10-04-2019
“O PS não tem noção da destruição que deixou no país e em que deixou os portugueses”
    Duarte Marques criticou a “desonestidade intelectual” dos socialistas e lamentou que não valorizem o esforço feito pelos portugueses.
04-04-2019
“O Governo não consegue nomear pessoas qualificadas sem serem familiares?”
    Fernando Negrão entende que o “Governo está a funcionar em circuito fechado”.
03-04-2019
Segurança: governo tem problemas sérios no confronto com a realidade
    Segundo Luís Marques Guedes os recursos humanos e os meios orçamentais alocados à segurança diminuíram com este governo.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas