Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Se o governo continuar com estas políticas a sustentabilidade do SNS não estará assegurada
Luís Vales acusou comunistas e bloquistas de agora não estarem preocupados com os trabalhadores com pagamentos em atraso.
No debate sobre a Reforma do Estado e Acesso aos Serviços Públicos, Luís Vales recordou que a palavra Igualdade era muito utilizada pelos partidos da extrema-esquerda. “Utilizavam até linguagem bélica para defender os direitos dos trabalhadores. Quem não se lembra do «atentado aos direitos dos trabalhadores», da defesa de uma política «patriótica e de esquerda» que o PCP e o Bloco tanto defendiam? Pois bem, era só conversa”.
Refere o deputado que estes partidos dizem que que os profissionais do Serviço Nacional de Saúde trabalham 35 horas, esquecendo-se que uma grande parte trabalha 40 horas. “Os senhores, que tantas visitas faziam aos Serviços de Saúde, agora ninguém os vê. Sabem que estes profissionais não trabalham as 35 horas? Trabalham 40, 45, 50 horas por semana. E sabem porquê? Não sabem porque agora abandonaram a Rua. Os senhores agora defendem os trabalhadores a partir de São Bento”. Dirigindo-se aos deputados da extrema-esquerda, o social-democrata recordou que como tiveram muita pressa em colocar no papel o regresso às 35 horas, agora os trabalhadores têm de fazer trabalho extraordinário. “E sabem que mais? Os pagamentos deste trabalho está atrasado em vários meses. Onde está a defesa dos trabalhadores? Onde esta a igualdade que os senhores tanto defendiam? A acrescentar a tudo isto o Ministro da Saúde anunciou, com pompa e circunstância, que vai obrigar os médicos com mais de 55 anos a fazer urgências por mais 10 meses. Enchem a boca com as 35 horas de trabalho, mas depois obrigam os profissionais a trabalhar mais horas. Os senhores limitaram os recursos do Serviço Nacional de Saúde e agora obrigam os médicos a trabalhar mais tempo”.
De seguida, o deputado alertou para o recurso a médicos tarefeiros e a empresas externas nas urgências, que tem aumentado brutalmente. “Estamos de regresso aos Ministérios da Saúde do engenheiro José Sócrates. Este ano andaram a desbaratar os recursos do Ministério da Saúde e chegaram ao final no ano com um défice de 420 Milhões”.
A terminar, Luís Vales frisou que se o governo continuar com estas políticas, a sustentabilidade do Serviço Nacional de Saúde não estará assegurada e aí o acesso ao serviço público de saúde estará definitivamente em risco.

23-02-2017 Partilhar Recomendar
24-07-2020
Agrupamento de Centros de Saúde de Santo Tirso/Trofa estão sem diretor executivo e sem presidente do conselho clínico
    Os parlamentares do PSD pretendem saber os motivos desta situação que afeta 115 mil utentes.
10-07-2020
PSD pretende credibilizar e dignificar o Parlamento
    Os sociais-democratas apresentaram iniciativas que representam “um primeiro impulso” na tão impreterível reforma do nosso sistema político.
10-07-2020
“Não se pode admitir a existência de lucro de campanha eleitoral à custa do dinheiro público”
    PSD pretende alterar a Lei de Financiamento dos Partidos e a Lei de Organização e Funcionamento da Entidade das Contas.
07-07-2020
Requalificação do “Pavilhão 5” do hospital da Guarda “é absolutamente crucial” para instalar o Departamento da Saúde da Criança e da Mulher
    O PSD considera “inaceitável que, quase cinco anos depois de o PS ter assumido responsabilidades governativas”, esta requalificação continue por concretizar.
02-07-2020
Deputados do PSD contestam “degradação do serviço de urgência do Hospital de Braga”
    Os sociais-democratas sublinham que “a ausência do serviço noturno de ultrassonografia é de extrema gravidade e mesmo perigosa.
26-06-2020
O acesso dos portugueses à saúde é uma “Via Sacra”
    António Maló de Abreu recordou que os atrasos no setor já se vinham a agravar antes da pandemia.
24-06-2020
Covid-19: diabéticos e hipertensos com direito a faltas justificadas, Parlamento aprova proposta do PSD
    Esta é uma medida que visa proteger dois grupos de risco no contexto de pandemia sanitária.
18-06-2020
Governo não reúne com os sindicados dos enfermeiros desde novembro
    Jorge Paulo Oliveira frisa que está na hora do Governo corrigir as injustiças que criou.
18-06-2020
PSD dirige uma palavra de enorme apreço e gratidão a todos os enfermeiros portugueses
    Carla Barros recorda que o PSD recomendou ao Governo que tome medidas de reconhecimento a todos os profissionais do SNS envolvidos no combate à pandemia.
18-06-2020
Novo Centro de Saúde do Feijó só não avança por falta vontade política do governo
    Fernanda Velez lembra que após 5 Orçamentos, o Governo continua sem responder às necessidades da população.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas