Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Nacional 125: apesar dos anúncios e promessas do Ministro Pedro Marques, obra continua por fazer
Cristóvão Norte recordou que o Ministro “anunciou as obras em 2016, insistiu em 2017 e jurou em 2018.”
A EN 125 esteve, esta quinta-feira, novamente em debate na Assembleia da República. No debate de uma Petição pela “dignidade e segurança” desta via e pela requalificação e manutenção imediata do troço entre Olhão Nascente e VRSA, Cristóvão Norte começou por saudar os peticionários e por recordar o facto de, enquanto relator desta Petição, ter promovido uma audição com a população, algo que contribuiu para que esta Petição tivesse um significado político de maior relevo.
De seguida, o parlamentar frisou que, neste momento, há um entendimento que é incontroverso: “aquela estrada precisa de obras estruturantes de forma a assegurar que essa via de circulação oferece a mesma igualdade de oportunidades, a mesma qualidade de vida e as mesmas condições para aquelas populações. Aí estamos todos de acordo”.
Onde as clivagens entre os partidos existem, adianta o social-democrata, é entre aqueles que assumem determinados compromissos e depois não os honram. A este propósito, recordou Cristóvão Norte que a digressão ao Algarve do Ministro Pedro Marques, antes das eleições autárquicas. “Nessa ocasião foi apresentado um cronograma da obra, com planeamento e custos. O senhor Ministro prometeu que honraria a sua palavra. Anunciou em 2016, insistiu em 2017 e jurou em 2018. Estamos em 2019 e este calendário já está completamente desatualizado.”
Dirigindo-se aos partidos da esquerda, Cristóvão Norte afirmou que esperava que hoje, neste debate, apresentassem uma solução para aquelas populações. “Temos de ter todas as soluções em cima da mesa. Não se pode desrespeitar estas pessoas que sentem na pele diariamente o colapso que é percorrer aquela via”, rematou o deputado.
08-02-2019 Partilhar Recomendar
31-01-2019
Programa Nacional de Investimentos 2030: Algarve volta a ter más notícias
    José Carlos Barros considerou “insultuosa” a ausência da região algarvia do plano para a ferrovia.
31-01-2019
“O que é que este governo tem contra as populações do distrito de Bragança?”
    Adão Silva afirmou que o Programa Nacional de Investimentos 2030 apenas contempla algumas “migalhas” para a região.
23-01-2019
Partidos da geringonça esqueceram-se do que reivindicaram e prometeram quando estavam na oposição
    Carlos Silva frisou que compete a estes partidos cumprir a palavra e resolver os problemas de acessibilidade e mobilidade em Vila Franca de Xira.
16-01-2019
CTT: PSD sublinha importância da fiscalização do contrato de concessão
    Joel Sá afirmou esperar que a ANACOM cumpra o seu papel de Entidade Reguladora.
10-01-2019
Novo aeroporto: “estamos perante 3 anos perdidos”
    Emídio Guerreiro acusou ainda o governo de avançar com a solução do novo aeroporto no Montijo por razões eleitorais.
20-12-2018
“Alteração ao Regime Excecional para a Reabilitação Urbana exige muita ponderação e prudência”
    O alerta foi deixado por António Topa.
12-12-2018
Carlos Silva aconselha Ministro do Planeamento e das Infraestruturas: “pare, escute e olhe”
    O social-democrata apelou ao governante para que “pare com a propaganda, escute os portugueses e olhe para a realidade sem fantasias”.
12-12-2018
Modelo de governação do Ministro do Planeamento e das Infraestruturas resume-se a dois princípios: cativar e prometer
    Paulo Rios de Oliveira ironizou que quando esses princípios falham a resposta é sempre a mesma: “a culpa é do PSD”.
12-12-2018
Pedro Marques é o “ministro da propaganda eleiçoeira”
    Luís Leite Ramos acusou o governante de ser a “voz-off do mega spot eleitoral de um governo faz de conta”.
12-12-2018
Cativações: Infraestruturas de Portugal executou apenas cerca de 50% dos investimentos previstos
    António Topa afirmou que os relatórios confirmam que com este governo o investimento registou uma descida de 22%.
Início Anterior Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas