Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Governo “falhou rotundamente” no objetivo de manter o mesmo envelope financeiro da PAC
António Lima Costa alerta que Portugal pode sofrer cortes superiores ao dobro da média europeia.
No debate sobre “Fundos Europeus, coesão social e territorial”, António Lima Costa acusou os comunistas de colocarem em causa todo o projeto europeu. Sublinhando que este é um debate que deve ser “feito sem radicalismos” e que deve ter como objetivo melhorar o próximo Quadro Financeiro Plurianual, o deputado afirmou que é nesse sentido que vão as recomendações do PSD.
De seguida, a proposta para a Política Agrícola Comum pós-2020, o deputado lembrou que “o governo veio cantar vitória por Portugal não ter cortes no 1.º pilar e ser dos países que menos perde. Mas no 1.º pilar Portugal recebe por hectare 25% menos que a média europeia. Cantar vitória por não haver cortes, mantendo-se esta diferença brutal, é inaceitável”. Contudo, refere, ainda mais grave é o que se antevê para o 2.º Pilar. “Portugal pode ser o país mais afetado pela simples razão de que o 2.º pilar representa 50% do bolo nacional da PAC quando a média europeia é apenas 20%. E quando se diz que os cortes na PAC incidem sobretudo no 2.º pilar, isso pode significar para Portugal cortes superiores ao dobro da média europeia, e isso é inaceitável. Cabe, por isso aqui recordar, que o Ministro da Agricultura assumiu como grande objetivo, manter o mesmo envelope financeiro da PAC para Portugal. E o Governo português, até agora, falhou rotundamente neste seu objetivo”.
Frisando que “manter o mesmo envelope financeiro da PAC para Portugal é o mínimo que se exige ao Governo”, António Lima Costa vincou que, contrariamente ao afirmado pelo PCP, a PAC “é o instrumento mais poderoso para a modernização da nossa agricultura”. “Porque é que a agricultura portuguesa competitiva, moderna, inovadora, exportadora, os assusta tanto?” Questionou o social-democrata à bancada comunista, realçando que essa agricultura gera emprego e crescimento económico e “tem contribuído de uma forma extraordinária para cumprirmos o desígnio nacional de atingirmos, a média prazo, o equilíbrio da nossa balança comercial agroalimentar”.

30-05-2018 Partilhar Recomendar
19-07-2019
“Foi num governo liderado pelo PSD que foram promovidos avanços significativos na melhoria do quadro jurídico dos direitos e proteção dos animais”
    A recordação foi deixada por Joel Sá no debate sobre a utilização de animais no circo.
03-07-2019
O Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural “não quer saber da agricultura”
    A acusação partiu de Emília Cerqueira, que considera que o governante “esqueceu-se completamente da atividade agrícola”.
03-07-2019
PS, BE e PCP querem atirar areia aos olhos dos viticultores durienses a três meses das eleições
    António Lima Costa acusou ainda estes partidos de estarem a “afrontar” o Presidente da República.
02-07-2019
PAN e BE querem impor o seu caminho, apesar do desconhecimento do mundo real
    Nuno Serra lembrou a estes deputados que há mais mundo além do que se “avista do vosso apartamento”.
28-06-2019
PSD disponível para resolver insuficiências da Lei dos maus-tratos a animais
    Carlos Abreu Amorim manifestou a disponibilidade dos sociais-democratas para resolver estes problemas “de forma séria e responsável”.
28-06-2019
PSD saúda recuo do governo sobre o Sistema de Informação Cadastral
    António Costa Silva vincou que o PSD evitou a ideia do governo que dava ao Estado a possibilidade de colocar uma tabuleta num terreno de um privado e dizer “este terreno é do Estado”.
12-06-2019
Nuno Serra: “a Produção Agrícola e o Ambiente só podem viver juntos”
    O social-democrata criticou “a visão distorcida e radical” dos partidos mais à esquerda.
12-06-2019
“Os empresários agrícolas dão um enorme contributo para a coesão territorial e crescimento económico do país”
    António Lima Costa rejeitou liminarmente a ideia de “diabolização daqueles que são os únicos que investem e apostam no nosso mundo rural”.
29-05-2019
Nuno Serra critica “interesses populistas e demagógicos” de BE e PAN
    O deputado considera que esta visão impede estes partidos de compreenderem a importância da atividade cinegética.
10-05-2019
Fundo de Solidariedade Europeu: atitude do Governo foi “vergonhosa, egoísta e imoral”
    António Costa Silva revelou que “mais de metade do montante do Fundo de Solidariedade foi aplicado em despesas que deviam ser assumidas pelo Orçamento do Estado”.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas