Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“Incompatibilidade do Ministro Pedro Siza Vieira não tem consequências?” Fernando Negrão exige esclarecimentos “a bem da ética”
No debate quinzenal com o Primeiro-Ministro, Fernando Negrão questionou ainda António Costa sobre valorização do interior e os problemas no sector da Saúde.
No debate quinzenal com o Primeiro-Ministro sobre “políticas de valorização do interior”, Fernando Negrão registou a importância do tema agendado pelo executivo, mas sublinhou que é “claro que este tema não está nas melhores mãos”. De acordo com o Presidente da bancada do PSD, todos sabemos a forma como este governo lidou com os incêndios do ano passado, com negligência e descuido, frisando o deputado que espera que os anúncios agora feitos pelo governo sejam realmente implementados.
De seguida, o líder do Grupo Parlamentar do PSD referiu que para além das inúmeras intervenções que o PSD tem feito sobre esta matéria, “o PSD vai realizar as suas Jornadas Parlamentares na cidade da Guarda e o tema será a valorização do interior. E aqui, manifestamos toda a nossa disponibilidade para juntar as nossas propostas às vossas e podermos levar a cabo um trabalho de consenso, se for possível, entre todos os partidos desta casa”. Dirigindo-se a António Costa, Fernando Negrão lançou o desafio: “saber se está disposto a avançar com medidas concretas, devidamente calendarizadas e com compromisso firme de comprimentos por forma a não voltar a falhar aos portugueses?”

Conflito de interesses do Ministro Pedro Siza Vieira

O segundo tema levado a debate por Fernando Negrão prendeu-se com as notícias de que o Ministro Pedro Siza Vieira acumulou a função governamental com a de sócio gerente de uma empresa. O líder da “bancada laranja” questionou ao Primeiro-Ministro se não considera que “existe aqui uma incompatibilidade”.
No que respeita à notícia de que o governante, que foi sócio da sociedade de advogados Linklaters antes de entrar no Governo, se encontrou com os clientes da sua antiga empresa, a China Three Gorges, quando já integrava o executivo e antes do anúncio da Oferta Pública de Aquisição (OPA) desta empresa chinesa à EDP, o social-democrata questionou ao Primeiro-Ministro se o pedido de escusa do Ministro não foi atrasado, uma vez que o Ministro já tinha intervindo em matérias relacionadas com o setor elétrico, nomeadamente em questões relacionadas com as negociações sobre a EDP. Ainda a propósito desta matéria, o parlamentar perguntou a António Costa o que justifica o facto de ter sido o Ministro-Adjunto a reunir com os representantes chineses e não o Ministro da Economia.

António Arnaut “foi, e será, uma figura notável da democracia portuguesa”

A terminar, Fernando Negrão levou, uma vez mais, a temática da Saúde ao debate quinzenal. O deputado começou por manifestar condolências “muito sinceras” no que respeita ao falecimento de António Arnaut. “Foi, e será, uma figura notável da democracia portuguesa”, afirmou Fernando Negrão, acrescentando que “deixou uma marca indelével na vida política nacional”.
Dirigindo-se a António Costa, o líder da bancada do PSD frisou que “a melhor forma de homenagear o Dr. António Arnaut é preservar a sua obra e garantir a todos os portugueses que continuarão a ter um SNS sustentável, equilibrado e acessível a todos”. Destacou, no entanto, que “não é esse o SNS que temos hoje”. Fernando Negrão referiu-se às situações concretas de dificuldades existentes no País, como a demissão de dirigentes no Centro Hospitalar de Tondela-Viseu, a falta de médicos em Guimarães e de enfermeiros no Hospital de Santa Maria. “Qual é o plano que o senhor Primeiro-Ministro tem para todos podermos continuar a honrar o Dr. António Arnaut na preservação do SNS”, perguntou o social-democrata.

23-05-2018 Partilhar Recomendar
14-12-2018
PSD exige que o governo garanta a continuidade da assistência da população abrangida pelo Hospital de Braga
    Os sociais-democratas estão preocupados com o futuro da gestão desta unidade hospitalar.
13-12-2018
PSD propõe a criação de um regime jurídico de arrendamento a estudantes
    António Lima Costa adiantou ainda que os sociais-democratas querem apoiar os estudantes que frequentam as Instituições de Ensino Superior localizadas no interior.
11-12-2018
O governo está a “destruir” o Serviço Nacional de Saúde
    Fernando Negrão considerou que as políticas adotadas na área da saúde são “as mais preocupantes” desta legislatura.
07-12-2018
Deputados do PSD eleitos pela Madeira protestam contra a dedução dos Hospitais Dr. Nélio Mendonça e Marmeleiros pelo governo no financiamento do novo Hospital
    Sara Madruga da Costa, Rubina Berardo e Paulo Neves exigiram ainda a concretização do compromisso de pagamento de 50% da obra de construção do novo Hospital.
29-11-2018
Cristóvão Crespo desafia esquerda a aprovar a proposta do PSD para um Regime Contratual de Investimento
    A iniciativa visa fazer com que os investimentos sejam preferencialmente canalizados para o Interior do país.
28-11-2018
Ala Pediátrica do Hospital São João: socialistas continuam a falhar as suas sucessivas promessas
    Ricardo Baptista Leite considera que é incompreensível o que se passa e defendeu a realização imediata da obra.
27-11-2018
“O investimento do governo no SNS é dos mais baixos de que há memória”
    Ricardo Baptista Leite frisa que as consequências desse desinvestimento só não são vistas por quem fecha os olhos em nome das “conveniências partidárias”.
27-11-2018
Manuel Frexes apresenta proposta do PSD para defender e valorizar o Interior
    O deputado considerou de crucial importância a criação de um estatuto para os territórios de baixa densidade.
26-11-2018
Saúde: governo das esquerdas aumentou o recurso às prestações de serviços
    Luís Vales apresentou a proposta do PSD que visa reduzir em 35% os encargos com estas prestações.
30-10-2018
Ricardo Baptista Leite: “a Saúde não é prioridade para este governo”
    O deputado alertou que são os doentes que pagam a conta da má governação socialista.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas