Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Susana Lamas assinala importância dos Assistentes Sociais
A deputada realça que a intervenção destes profissionais é um elemento estruturante para a garantia da coesão e justiça social.
Susana Lamas defendeu, esta sexta-feira, que a criação de uma ordem profissional não resolve os desafios que se colocam aos assistentes sociais. Intervindo no plenário da Assembleia da República na discussão de dois projetos de lei para a regulamentação da profissão, a parlamentar social democrata defendeu o papel do estado na resposta às preocupações daqueles profissionais.
“As profissões devem ser regulamentadas, sim, mas assegurando a simplificação e a eliminação de barreiras injustificáveis. Desejamos uma sociedade aberta, com profissões valorizadas e adaptadas às novas realidades e aos novos desafios que se colocam” – referiu, na ocasião, Susana Lamas, sublinhando, no entanto, que a preocupação dos assistentes sociais “no que se refere à insuficiência de regulamentação do exercício da sua profissão são válidas e têm que merecer a preocupação de todos nós”.
Referindo-se aos dois projetos de lei ali em discussão, a deputada aveirense disse não terem enquadramento no atual quadro legal, acrescentando que “já tivemos provas de que, nalgumas circunstâncias, a existência de ordens não garante resposta cabal às necessidades de regulamentação das profissões e tem por isso, exigido a intervenção do estado”.
Susana Lamas vincou “a importância dos assistentes sociais, que diariamente apoiam e melhoram a vida de muitas famílias portuguesas”, dizendo tratarem-se de ”profissionais sempre disponíveis, dedicados a causas e projetos que servem os mais vulneráveis, os idosos, pessoas com deficiência, pessoas em situação de pobreza, dando apoio a milhares de famílias e organizações”.
Insistindo que os assistentes sociais “atuam, muitas vezes, em situações de grande sensibilidade social, o que torna a intervenção destes profissionais num elemento estruturante para a garantia da coesão e da justiça social”, a deputada do PSD sustentou que “merecem um setor de qualidade, com critérios exigentes, designadamente no acesso à profissão”.
“Não iludimos a realidade sócio-laboral dos nossos dias. Uma sociedade de cidadãos livres e com trabalhadores com pleno direito ao acesso e à mobilidade profissional. É esta a nossa visão de sociedade. Uma visão que garanta resposta às preocupações dos assistentes sociais. O Estado não pode, pois, demitir-se do seu papel” – concluiu Susana Lamas, comentando as iniciativas parlamentares em discussão.


09-03-2018 Partilhar Recomendar
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas