Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Bruno Coimbra: “é imperativa a redução da dependência do plástico”
O deputado apresentou a iniciativa do PSD que recomenda ao Governo que promova estudos sobre as alternativas à utilização de louça descartável de plástico e que defina uma estratégia para a redução gradual da sua utilização.
“A redução do impacto ambiental das atividades humanas, a preocupação ambiental e o cumprimento dos objetivos para o desenvolvimento sustentável e da estratégia definida pelo acordo de Paris, é algo que mobiliza as diferentes forças partidárias, a sociedade e os cidadãos”. Estas foram as palavras iniciais de Bruno Coimbra na apresentação do Projeto de Resolução do PSD que recomenda ao Governo que promova estudos sobre as alternativas à utilização de louça descartável de plástico, realize campanhas de sensibilização para a redução do seu uso e defina uma estratégia para a redução gradual da sua utilização.
De seguida, o social-democrata recordou que, por forma a garantir um desenvolvimento sustentável, uma ação climática eficiente e uma sociedade mais livre do carbono, o mundo está perante o enorme desafio da mudança de hábitos de produção e de consumo, do uso eficiente de recursos e da redução do desperdício. Nesse sentido, adianta, “é imperativa a redução da dependência do plástico”.
Sublinhando que a produção e consumo massivo de embalagens e utensílios de plástico descartáveis atinge valores de tal ordem que o seu impacto se tornou uma ameaça de grandes proporções para o equilíbrio ambiental do planeta, dos oceanos, dos ecossistemas e das cadeias tróficas, Bruno Coimbra lembrou o passo dado pelo governo do PSD no sentido de apostar no desenvolvimento e crescimento sustentáveis e de se posicionar na liderança da nova tendência global da economia verde e da economia circular. “Foi com um plano estratégico, o Compromisso para o Crescimento Verde, que estabelecemos metas ambiciosas e exequíveis. Ficarão também sempre associadas ao melhor desempenho ambiental, o Plano Estratégico para os Resíduos Urbanos e a Reforma da Fiscalidade Verde, esta última responsável pela redução drástica da utilização de sacos de plástico leves em Portugal e de uma enorme e positiva mudança de hábitos de vida dos portugueses com notórios ganhos ambientais para o país e para o planeta”.
Reconhecendo que este é um caminho inacabado, Bruno Coimbra afirmou que “é importante agir de forma gradual e sustentada e eficiente, medindo bem todos os efeitos e impactos económicos e sociais das nossas decisões”. “Importa por isso, para cada uma das medidas que se venham a tomar, garantir os respetivos estudos e conhecimento das alternativas e dos impactos e assegurar o tempo de adaptação dos diferentes setores económicos envolvidos. Mas importa, sobretudo, prosseguir o caminho da mudança de hábitos e de produção e de consumo, garantindo a priorização da utilização de materiais reutilizáveis duráveis, a utilização de materiais recicláveis e reduzindo e abandonando gradualmente, mas de forma célere e efetiva, os poluidores descartáveis sem potencial de serem reintroduzidos na cadeia produtiva”. Nesse sentido, adianta o parlamentar, vem a iniciativa do Grupo Parlamentar do PSD que “recomenda ao governo que estude e apresente as alternativas disponíveis no mercado, ou a criar, para a substituição da utilização de louça descartável de plástico na restauração. Que realize campanhas de sensibilização para a redução do uso de louça e embalagens descartáveis no setor da restauração e junto da população em geral. E que defina uma estratégia de redução gradual mas efetiva, da utilização de louça descartável de plástico até à sua eliminação no setor da restauração”.

02-02-2018 Partilhar Recomendar
12-02-2020
Hugo Oliveira manifesta preocupação do PSD com a contaminação dos solos
    O deputado levantou algumas questões sobre as condições do terreno que irá acolher as Jornadas Mundiais da Juventude em 2022.
03-02-2020
“A aposta nas compras públicas ecológicas tem de ser priorizada”
    Bruno Coimbra defende a incorporação de critérios ambientais específicos que motivem mudanças nas opções de quem adquire e fornece bens e serviços.
18-12-2019
COP 25: “os compromissos ficaram aquém daquilo que a realidade exige”
    Para Bruno Coimbra os pequenos avanços obtidos não chegam.
18-12-2019
“O Fundo Ambiental não está a desempenhar a missão para a qual foi desenhado”
    Nuno Carvalho afirma esta que situação revela que “as políticas do Governo não são verdes, são verdinhas”.
12-12-2019
PSD quer que o Governo torne pública a lista dos edifícios com amianto
    Filipa Roseta exortou ainda o governo a cumprir a lei que determina a remoção de amianto dos edifícios.
04-12-2019
“As alterações climáticas são o maior desafio que a humanidade tem pela frente”
    Bruno Coimbra considera que “necessitamos de políticas sólidas e consequentes”.
04-12-2019
Ambiente: Hugo Carvalho desafia o BE a comprometer-se com metas
    O parlamentar incitou os bloquistas e serem mais ambiciosos em termos ambientais.
29-11-2019
Hugo Carvalho: “estamos ao lado da ação climática”
    O deputado saudou todos os jovens que se comprometem com a ação climática.
20-11-2019
Amianto: Filipa Roseta incita o governo a passar das palavras aos atos
    A deputada lembra que há uma “quantidade inacreditável” de iniciativas que já foram aprovadas e que continuam sem sair do papel.
15-11-2019
Margarida Balseiro Lopes: PSD quer o Governo a cumprir os critérios de silvicultura no âmbito do Plano de Recuperação da Mata Nacional de Leiria
    Projeto de Resolução apresentado pelo PSD.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas