Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PSD desafia António Costa a apresentar Moção de Confiança
A propósito dos incêndios, Hugo Soares criticou a “soberba, displicência e negligência” do Primeiro-ministro e desafiou-o a pedir desculpa aos portugueses.
No primeiro debate quinzenal após os trágicos incêndios de 15 e 16 de outubro, Hugo Soares questionou a António Costa se já está em condições de pedir desculpa aos portugueses.
No início do debate, o líder parlamentar do PSD deixou uma “palavra para os heróis nacionais, que não precisaram de ouvir do governo que tinham de se bastar a si próprios. Os que sabiam no momento que combatiam sozinhos os momentos mais difíceis das suas vidas. Os patrões e os empregados que tentavam salvar as unidades onde trabalhavam, os agricultores que tentavam salvar os seus modos de vida, os pais que fugiam com as crianças, os idosos que estavam abandonados à sua sorte. Todos aqueles que perderam a vida sozinhos e a quem o Estado falhou. A quem o senhor Primeiro-Ministro falhou”. Perante este cenário catastrófico, o social-democrata assumiu a responsabilidade política que lhe cabe e, em nome da bancada do PSD, pediu desculpa aos portugueses.
De seguida, o parlamentar afirmou que o Primeiro-Ministro já devia ter assumido a sua responsabilidade. “Saltava pelos olhos que a responsabilidade do que aconteceu foi do Estado. Que aquelas pessoas a quem o Estado falhou deviam ser reparados nos seus danos pelo Estado”.
Recordando que ainda na passada sexta-feira a esquerda chumbou a iniciativa do PSD para indemnizar as vítimas dos incêndios e que a floresta é a mesma de há cinco anos, o social-democrata foi perentório a frisar que “o que falhou foi o Comando, foi a prevenção, foi o vosso desleixo, foi a Proteção Civil e foi a vossa incompetência”. Face a este cenário, Hugo Soares desafiou António Costa a trazer ao Parlamento uma Moção de Confiança. “O senhor perdeu as eleições legislativas e quis ser o Primeiro-Ministro do Parlamento. O senhor perdeu agora a confiança dos portugueses. O senhor perdeu ontem a confiança do senhor Presidente da República. Por uma vez, seja um estadista e faça aquilo que a responsabilidade política obriga e traga a esta Câmara uma Moção de Confiança para provar ao país que continua a ter o Parlamento consigo”.
Perante a recusa do governante em avançar com uma Moção de Confiança, o líder da “bancada laranja” afirmou que António Costa “perdeu a oportunidade de mostrar que lidera e que tem a confiança do Parlamento. Na verdade, já não está aí a fazer nada, o senhor fazia um favor ao país se apresentasse a sua demissão ao Presidente da República.”
A terminar, Hugo Soares criticou a “soberba, displicência e negligência” de António Costa e comparou o atual governante com o anterior Primeiro-Ministro. “Há uns anos houve um Primeiro-Ministro que disse ao país que se fosse preciso perder eleições para fazer aquilo que os portugueses precisavam de fazer, dizia ele, então «que se lixem as eleições». Quero dizer ao senhor Primeiro-Ministro, sem medo das palavras, que o senhor para se manter no poder diz «que se lixem os portugueses»”.

18-10-2017 Partilhar Recomendar
Hugo Soares questiona o Primeiro-Ministro
Hugo Soares questiona o Primeiro-Ministro
03-07-2019
O Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural “não quer saber da agricultura”
    A acusação partiu de Emília Cerqueira, que considera que o governante “esqueceu-se completamente da atividade agrícola”.
18-06-2019
Fernando Negrão acusa António Costa de “não ser um Primeiro-Ministro para o povo”
    O líder parlamentar do PSD destacou ainda a “falta de transparência” do governo no processo de reconstrução das casas atingidas pelos incêndios.
30-05-2019
Cristóvão Crespo preocupado com o despejo do Posto Territorial de Avis da GNR
    O social-democrata pediu esclarecimentos ao Ministro sobre esta situação.
29-05-2019
Incêndios: os portugueses podem confiar nos bombeiros e nas forças de segurança, mas não podem confiar no governo
    Duarte Marques considera que a incompetência do governo levou a que se voltasse a falhar na preparação atempada da época de fogos.
15-05-2019
Lei da liberdade sindical: Carlos Peixoto recorda que a proposta do governo “nasceu torta”
    O Vice-Presidente da bancada do PSD elencou os contributos imprescindíveis do PSD para “endireitar” esta proposta.
13-05-2019
Cativações e cortes no investimento. “Chama a isto boa gestão das contas públicas?”
    Fernando Negrão acusou António Costa de fazer um “brilharete nas contas” à custa de corte no investimento.
10-05-2019
Bancadas do PS, BE e PCP “são a lavandaria política do governo socialista”
    No debate sobre o Fundo de Solidariedade Europeu, Rubina Berardo acusou as bancadas da esquerda de branquearem a atuação do governo.
10-05-2019
Gestão do Fundo de Solidariedade tem sido incompetente, imoral e uma vergonha
    Duarte Marques considera “indigno” que o governo queira ficar com o dinheiro destinado aos municípios afetados pelos incêndios.
10-05-2019
Incêndios: “o governo aproveita-se da desgraça alheia para financiar serviços públicos”
    António Lima Costa afirma que o governo desviou verbas europeias destinadas às zonas afetadas para financiar organismos da administração central sediados em Lisboa.
10-05-2019
Linhas de crédito para a limpeza da floresta foram um “monumental falhanço”
    Segundo Jorge Paulo Oliveira o dinheiro apenas chegou a duas Câmaras Municipais.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas