Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PS prefere fazer política de casos em vez de política de causas
José Manuel Canavarro apelou aos socialistas para que recuperem rapidamente a essência do pensamento social.

O Parlamento realizou, esta quinta-feira, um debate sobre a situação das Comissões de Proteção de Crianças e Jovens, requerido pelo PS. José Manuel Canavarro, intervindo em nome do PSD, começou por saudar o tema trazido a debate por se tratar de um tema importante (pois trata de situações de vulnerabilidade social e psicológica, algo que diz respeito a todos), de um tema atual (porque por mais desenvolvida e evoluída e por melhores respostas sociais que encontre, uma sociedade não consegue nem prevenir nem remediar todos os problemas associados à infância e aos menores de idade), de um tema emergente (porque essa característica lhe é natural na representação social pública e até na ideia, na perceção, de cada um de nós) e de um tema politicamente delicado no contexto atual (porque decorre uma reestruturação dos serviços do Instituto de Segurança Social).

No que respeita à atuação do Governo, o social-democrata recordou que de 2011 a 2014, passámos a ter cobertura universal, com mais parceiros envolvidos e mais horas técnicas atribuídas. Reconhecendo que o Senhor Juiz Conselheiro Armando Leandro, afirmou que existem dificuldades operacionais em algumas CPCJ’s, o parlamentar recordou que o Juiz Conselheiro também afirmou que em todas as CPCJ’S existe um representante da Segurança Social, que as CPCJ devem ser cada vez mais instrumentos da comunidade, devem ser mais participadas, pois assim se ajudará a prevenir mais que a remediar. “Ouvi-o elogiar o conjunto de possibilidades de formação de técnicos e de entidades da comunidade que o Portugal 2020 disponibilizará. Ouvi-o, ouvimo-lo elogiar os CAFAP e o alargamento da rede destes Centros. Ouvi-o, ouvimo-lo a elogiar o reforço do sistema de intervenção precoce. Ouvi-o e ouvimo-lo a elogiar a vertente comunitária da intervenção das CPCJ’s, também vertida no compromisso assinado em dezembro último pelo Governo juntamente com os organismos de cúpula das instituições sociais. E ouvi, ouvimos, referências positivas ao comportamento do Governo, do Ministério da Segurança Social, na sua relação com as CPCJ’s, nas palavras de quem superiormente as dirige ao nível nacional”.

No que respeita à postura do PS, José Manuel Canavarro lamentou que os socialistas parecem “preferir o imediatismo da estrutura, prefere discutir a dimensão da estrutura, o peso da estrutura, a estrutura em si. Não sai da estrutura, encerra-se nela. Mas mesmo esta, que os senhores discutem, robusteceu-se nos últimos 4 anos”.

A terminar, o social-democrata afirmou que o PSD espera e pede ao PS para “que recupere rapidamente a essência do vosso pensamento social porque os senhores são necessários a uma intervenção social moderna, eficiente e capacitadora e os senhores têm dado provas disso. Preferem fazer política de casos mais do que de causas. Parecem preferir a concretude crua, mediática, à utopia desejável. Preferem a responsabilização estrutural, passadista, à dinâmica comunitária, capacitadora e de futuro”.

16-04-2015 Partilhar Recomendar
19-07-2019
A legislação laboral em vigor tem permitido um aumento do emprego e uma diminuição do desemprego
    Susana Lamas frisou que este não era o momento para alterar a Lei.
19-07-2019
“A legislação laborar em vigor tem manifestado sinais positivos”
    Clara Marques Mendes afirmou eu o PSD sempre disse que este não seria o momento para fazer alteações ao código do trabalho.
05-07-2019
Parlamento fez história com o reconhecimento do Estatuto do Cuidador Informal
    Helga Correia enfatizou que se inicia um caminho “para dar dignidade e valor a quem cuida de forma voluntária, benévola e com amor”.
05-07-2019
Cristóvão Crespo preocupado com os atrasos na atribuição de pensões
    O deputado alertou o Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social sobre os fortes constrangimentos à vida destes cidadãos.
02-07-2019
“Este governo é o campeão da destruição dos serviços públicos”
    Clara Marques Mendes afirmou que “o Governo fala dos pobres, mas desfavorece-os; prega a solidariedade, mas não a pratica”.
26-06-2019
Segurança Social necessita de uma reforma estrutural profunda para garantir a sua sustentabilidade futura
    Feliciano Barreiras Duarte referiu que esta é uma reforma que o PSD tem vindo a defender, a pensar no futuro.
26-06-2019
Governo “declarou-se incompetente” para resolver o problema do atraso no processamento das pensões
    De acordo com Sandra Pereira, o executivo reconheceu que este problema agravou-se nos últimos 4 anos e que não tem capacidade de o resolver.
26-06-2019
PS devia ter “pudor e vergonha” de falar em cortes nas pensões
    Joana Barata Lopes lembrou que foram os socialistas que negociaram e comprometeram o país aos cortes previstos no memorando de entendimento com a troika.
26-06-2019
Clara Marques Mendes: “governo andou 4 anos a governar à vista”
    A deputada recordou que os sociais-democratas foram alertando para a falta de prudência e de sensatez com que estavam a ser adotadas determinadas políticas.
31-05-2019
Joana Barata Lopes: Ministro Vieira da Silva esteve “no pântano de Guterres e na bancarrota de Sócrates”
    A deputada considera que o socialista não se preocupa com o futuro e apenas está interessado em agradar aos eleitores.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas