Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“A Reforma Administrativa pretende preparar as freguesias para os desafios do século XXI”
A declaração foi proferida por Luís Montenegro no Plenário.

O PSD requereu, esta quinta-feira, um Debate de Atualidade sobre a Reforma Administrativa. Luís Montenegro iniciou o debate lembrando que “o Governo aprovou uma Proposta de Lei que substância, na prática, um dos primeiros esforços legislativos da Reforma da Administração Local que resulta da necessidade racionalização das nossas autarquias e das exigências do memorando de entendimento com a troika”. De acordo com o líder parlamentar da bancada do PSD, “a Reforma Administrativa é muito mais vasta que a questão da reorganização territorial”, trata-se de uma restruturação que visa: a alteração, quase total, das regras que regulam o sector empresarial local, a modificação da lógica de governança local, o reequilíbrio sustentável do associativismo municipal e o repensar das atribuições e competências das autarquias locais e uma nova perspetiva dos órgãos autárquicos a eleger por sufrágio direto e universal. Acresce a estes objetivos a “evolução do nosso mundo autárquico para parâmetros que permitam o reforço da autonomia local e o melhor cumprimento da sua missão estratégica numa administração que se quer moderna, ágil nos procedimento e racional nos seus objetivos de interesse público”.

Do ponto de vista do líder da bancada do PSD, a Proposta aprovada em Conselho de Ministros é o resultado de múltiplos contributos, debates e diálogo intenso com os principais protagonistas do mundo autárquico. O parlamentar reconheceu que não é viável a manutenção de freguesias com menos de 150 habitantes e que as freguesias que se situam em concelhos de alta demografia devem acentuar mais o seu esforço. “A proposta que trazemos a debate deve realçar uma diferenciação evidente entre as freguesias dos espaços urbanos densamente povoados e os não urbanos, conferindo maior salvaguarda às freguesias das zonas do interior e às mais desertificadas”.

No que respeita à agregação de freguesias, Luís Montenegro enfatizou que a agregação das freguesias não tem, nem deve ter por base objetivos economicistas. “Esta Reforma deve ser o melhor meio de proteger as freguesias para o futuro, de as preservar enquanto entidade de Poder Local tipicamente portuguesa, sobretudo as do interior. O que esta proposta pretende alcançar é um enquadramento viável e idóneo para as freguesias que lhes permita enfrentar os desafios do século XXI com elevado grau de segurança, estabilidade e confiança no futuro.

02-02-2012 Partilhar Recomendar
11-10-2017
“PSD defende intransigentemente a descentralização”
    Berta Cabral apelou a “uma descentralização responsável que confira as condições para os autarcas exercerem convenientemente as suas responsabilidades”.
01-06-2017
Luís Leite Ramos reeleito Relator Geral dos Poderes Locais e Regionais do Conselho da Europa
    O deputado do PSD vai ter como missão acompanhar as iniciativas do Conselho da Europa e de outras instituições europeias no domínio da democracia local e regional.
07-04-2017
Jorge Paulo Oliveira recorda que o Parlamento nunca legislou sobre a transferência de uma freguesia de um concelho para outro
    A afirmação foi proferida no debate de duas petições relativas à localização da freguesia de Milheirós de Poiares.
30-03-2017
Sociais-democratas querem acabar com a discriminação entre trabalhadores que exercem funções públicas
    Segundo Sara Madruga da Costa neste momento assiste-se a uma desigualdade de tratamento e a uma discriminação entre trabalhadores avaliados e trabalhadores não avaliados.
17-03-2017
PSD quer clarificar estatuto remuneratório de trabalhadores da administração local
    A iniciativa dos sociais-democratas foi apresentada pela deputada Sara Madruga da Costa.
16-03-2017
Descentralização deve ser capaz de atenuar as desigualdades e de estimular as oportunidades
    Luís Montenegro considera que este processo visa a construção de uma organização do Estado adequada ao progresso social e económico do país.
16-03-2017
“PCP é o partido mais centralista do regime democrático português”
    Jorge Paulo Oliveira acusou os comunistas de olharem para os autarcas como sendo “gente perigosa que se vende aos interesses”.
16-03-2017
PSD propõe a constituição de uma Comissão sobre a descentralização de competências
    O anúncio foi feito pela deputada Berta Cabral.
16-03-2017
“Descentralizar competências para o poder local é um ato de inteligência do Estado”
    Emília Santos recordou que a descentralização não está apenas no discurso, mas também na prática do PSD.
02-03-2017
“A descentralização deve ser feita de forma ponderada e coerente”
    Bruno Coimbra avisou o executivo que esta reforma não pode avançar de forma “desgarrada ou aos bochechos”.
Início Anterior Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas